quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Estroboscópio de potência ligado em 127V

 Estroboscópio


Um estroboscópio é um dispositivo óptico que permite estudar e registrar o movimento contínuo ou periódico de um corpo em alta velocidade, com o objetivo de fazê-lo parecer estacionário. Muitos já perceberão seu efeito em festas e eventos. 

Estroboscópio de potência
Figura 1 - Estroboscópio de potência em 127V

Funcionamento do Estroboscópio

O circuito é baseado no acionamento da lâmpada de xenônio. Diferentemente das lâmpadas incandescentes as lâmpadas de xenônio são acionada por pulsos de alta tensão, essas lâmpadas são feitas com misturas de gases sensíveis à eletricidade. Quando um pulso de alta tensão excita os elétrons do gás eles emitem luz, esse funcionamento é semelhante em lâmpadas fluorescentes. Nesse projeto utilizei uma lâmpada de xenônio tipo ferradura, figura 2, de 75W pois é a mais comum porem outros modelos de lâmpada podem ser usado.

Estroboscopio de potência
Figura 2 – Lâmpada de Xenônio tipo ferradura
Para acionarmos uma lâmpada de xenônio é necessária uma tensão continua de 250V no mínimo. Como poderíamos então acionar essa lâmpada se normalmente a tensão disponível em nossas casas é 127V RMS ou 180V de pico?                                    
A solução para isso é usar um transformador T1 abaixador comum como um autotransformador! Com esse tipo de configuração podemos obter 220V a partir de 127V. Usaremos um diodo D1 para a retificação da onda juntamente com um resistor R1 que limitará a potência conduzida pelo autotransformador para não sobrecarregá-lo, e um capacitor que auxiliará a descarga de corrente no momento de funcionamento da lâmpada de xenônio, o capacitor fornece um pico extra de corrente.



Lâmpada de Neônio
Figura 3 -  Lâmpada de Neônio
Em seguida temos um circuito adicional que efetua o dispara (piscada) do strobo constituído por um pequeno oscilador baseado em um SCR e uma mine lâmpada de neon NE-1 (figura 3). A frequência de oscilação é controlada por meio de P1.  A lâmpada de neon conduz quando a tensão entre seu terminais é superior a aproximadamente 80V  fazendo com que o  SCR dispare que proporciona um sinal oscilante no transformador de pulso T2 que gerará pulsos de alta tensão para o dispara da lâmpada de xenônio.

Montagem do Estroboscópio


O diagrama completo do circuito é apresentado na figura 1 e o circuito layout final na figura 4


Estroboscópio de potência
Figura 4 - Layout para montagem (Baixar Layout)

O transformador T1 é do tipo comum com o secundário 127/220V e secundário qualquer com corrente superior à 500mA. O transformador T2 pode ser de fabricação caseira com enrolamentos na proporção de 10/200 espiras em uma barra de ferreti ou pode ser facilmente encontrado em fontes chaveadas de computador (são os pequenos transformadores na placa, a identificação dos terminais é muito simples). A lâmpada de xenônio de 75W é facilmente encontrada em casas de componentes eletrônicos numa faixa de 10 a 15 reais. Circuito final figura 5.


Estroboscopio
Figura 5 - Estroboscópio de potência em 127V

Componentes


SCR – TIC106 ou MCR106
D1, D2 – 1N4007
R1 – 1K x 1W – Resistor de fio.
R2 – 100K x 1/8W – Resistor (marrom, preto, amarelo)
R3 – 15k x 1/8W – Resisto(marrom, verde, laranja)
C1 – Capacitor de 8uF a 32uF /400V
C2 – 2,2uF
P1 – Potenciômetro 1M ohms
NE1 – Lâmpada de neon
1 Lâmpada de xenônio de 75W
T2 – confecção caseira ou de mini-trafo de fonte chaveada.

3 comentários:
  1. Pretendo cursar Elétrica, gostaria de coversar com vc sobre o curso. Caso seja possível, me mande uma msg. Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola amigo,
      Sem problemas! Entre em contato por e-mail: guilherme.vianna.santos@gmail.com

      Excluir

Digite seu cometário...
(Seu comentário será visível apos a moderação)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Paginas